rede-brasil-inovador-2024-inovacao-esg-ia-innovation-trends-brazil-cni-cna-cnc-hub-startups-web-summit-rio-janeiro-rj-melanie-nakagawa-microsoft-itau-aldo-rosa-1
CNDL
construcao-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-cbic-sinduscon-acomac-materiais-industria-feira-construsul-bc-balneario-camboriu-2

Programa Brasil Mais Produtivo ajuda empreendedores a turbinar negócios

Programa Brasil Mais Produtivo ajuda empreendedores a turbinar negócios

Em 2020, a empreendedora Evelyne Ofugi abriu uma empresa em Brasília (DF) para comercializar salgados nutritivos e em formato lúdico. A Kawaii Pan oferece opções variadas de bolos, pães, biscoitos, salgados e pizzas que podem ser servidos a crianças na merenda ou mesmo em festas escolares, incluindo kits de produtos sem leite. Em março do ano seguinte, ela resolveu buscar a ajuda do Sebrae para aumentar a produtividade do negócio. Foi quando conheceu o programa Brasil Mais Produtivo, que já atendeu mais de 120 mil empreendimentos de todo o país, ao longo de dois anos e meio de atividades.

A iniciativa é resultado de uma parceria entre Sebrae, governo federal, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e Senai e tem como objetivo contribuir para o aumento da produtividade das micro, pequenas e médias empresas brasileiras por meio da melhoria das práticas gerenciais e produtivas e da transformação digital. O programa, de implementação rápida e baixo custo, oferece apoio técnico e capacitação para ajudar empreendedores a melhorar a gestão, inovar em processos, reduzir desperdícios e aumentar as vendas. Entre os principais resultados alcançados, destacam-se o aumento médio da produtividade de 22% e ganho real médio do faturamento de 8%, descontando a inflação do período, para as empresas participantes.

Evelyne conta que um Agente Local de Inovação do Sebrae (ALI) visitou a empresa e fez um diagnóstico sobre as principais dificuldades enfrentadas pelo negócio e como resolvê-las.

Com o programa, nós pudemos fazer ajustes em relação ao nosso sistema de administração, melhoramos o nosso fluxo de caixa, implementamos campanhas promocionais, melhoramos o cardápio digital e automatizamos o serviço de atendimento via WhatsApp.

Com a orientação do especialista , Evelyne afirma que conseguiu implementar um sistema que possibilitou a emissão de notas fiscais e o controle do estoque, entre outros aspectos da gestão. “O programa foi muito positivo para a saúde do nosso negócio”, avalia.

Novo Ciclo

O programa Brasil Mais Produtivo está com inscrições abertas para um novo ciclo. Por até seis meses, um Agente Local de Inovação (ALI) acompanha microempresas e empresas de pequeno porte que querem se tornar mais competitivas no mercado e ter ganhos de produtividade. Por meio de uma metodologia facilitada pelo ALI, as empresas participantes são provocadas a testar e implementar alguma inovação em seu negócio. Além disso, outras consultorias e soluções do Sebrae são ofertadas sob medida, de acordo com as demandas identificadas ao longo da jornada.

Neste novo ciclo são oferecidas mais de 30 mil vagas, sendo 25 mil para as empresas interessadas em aumentar a produtividade por meio de melhorias de práticas gerenciais e/ou otimização da linha de produção (ALI Produtividade) e mais 3,2 mil vagas para empresas que querem realizar a transformação digital do negócio, a partir da implementação de solução diagnosticada durante o programa (ALI Transformação Digital).

A aplicação da metodologia é conduzida por Agentes Locais de Inovação, bolsistas do Sebrae que vão até cada empresa, in loco, e facilitam o processo de inovação. Todo o acompanhamento é feito sem custos para o dono do pequeno negócio, com subsídio de 100% do Sebrae. Atualmente, são cerca de 1.200 bolsistas em campo em todo o Brasil apoiando as micro e pequenas empresas a melhorar a produtividade ou dar os primeiros passos na transformação digital.

Os interessados em participar, gratuitamente, podem se inscrever no endereço eletrônico: sebrae.com.br/brasilmaisprodutivo.


https://agenciasebrae.com.br